quinta-feira, janeiro 06, 2011

Cachorros - Violência do Pit Bull.





Cachorros - Violência do Pit Bull: Esta onda sucessiva de acidentes com cachorros, confirma a
importância da escolha correta do tipo de cachorro, suas caracteristicas, personalidade e tendências comportamentais, segundo as recomendações de especialistas. Pois devido ao crescente número de acidentes e do consequente abandono de cachorros da raça Pit Bull, estes fatos motivaram treinadores e especialistas em comportamento canino, a orientarem as pessoas do que é preciso saber antes e depois de levar um cachorro para casa.


Na verdade todo cachorro precisa de educação e todo o dono de orientação, para que seja estabelecida a sua liderança, e o cachorro assimile as regras de boa convivência, e haja um relacionamento harmonico, entre o homem e o seu cachorro. Mas a principio não é possível estabelecer um critério que combine um tipo de família com uma determinada raça de cachorro, devido ao comportamento individual de cada cachorro depender de como ele foi criado antes de conviver com o seus atuais responsáveis, e depois de como ele será tratado em seu novo lar.


Pois o ponto de partida para a escolha do cachorro certo pode começar com perguntas básicas como: Que tipo de família somos? Quantos adultos, idosos e crianças convivem na casa? E qual o estilo de vida da família? Pois estas são perguntas e questionamentos que vão ajudar e esclarecer bastante na definição do perfil do cachorro. E a proposta é que todos reflitam sobre o quanto cada um está disposto a modificar o seu modo de vida para ter um cachorro. E na verdade, não importa qual o tipo ou a raça de cachorro escolhido, pois a personalidade e a índole dos cachorros são um reflexo da personalidade e da índole de seu responsável, e também, em termos de agressividade, os cachorros individualmente, independente da raça, têm diferentes personalidades.


E após se definir a raça, e o perfil ideal e adequado do cachorro, para a familia, a família agora, deve oferecer espaço, atenção e lazer ao novo membro. E mesmo que a escolha recaia sobre cachorros, como os da mal-afamado raça Pit Bull, não se deve ter receios infundados, ou se fazer grandes distinções em relação à outras raças do mesmo porte e peso, a exemplo do Pastor Alemão, Labrador, Doberman entre outros. Além de que, dependendo da criação, um Cocker Spaniel ou um Poodle, podem ser tão ou ate mais agressivos, que um Pit-Bull, e o que os diferencia é somente a força.



Entretanto, não se deve ignorar as características inerentes a raça Pit Bull, já que esta, foi uma raça seleccionada para ter como principal diferencial a agressividade, principalmente para com outros cachorros, pois a raça Pit Bull, na época do apogeu das rinhas, foi uma das mais utilizadas em combate entre cachorros. E quem optar por ter um cachorro desta raça, deve sempre ter uma atitude de repreender, e nunca estimular que ele tenha comportamentos anti-sociais, possessivos,violentos e agressivos. Pois dependendo de sua socialização, e da maneira em que for criado, o Pit-Bull pode ser um cachorro tão tranquilo, pacifico e sociável, quanto qualquer outro.


No entanto, devido a má fama atribuida aos Pit-Bulls, que são estigmatizados como cachorros agressivos, violentos e até mesmo assassinos, as suas ocorrências de acidentes causam mais alarde e aparecem mais na midia causando com isto, de forma errada e precipitada mais medo nas pessoas, e ocasionando consequentemente um alto índice de abandonos desta raça. O que acaba criando um círculo vicioso, que gera um grande numero de Pit-Bulls abandonados, que alem de passarem e sentirem todo o sofrimento inerentes ao abandono, como tristeza, medo, frio e fome.


Tambem as pessoas por medo, causado por sua má fama, sequer lhes os alimentam, como o fazem com outros cachorros abandonados, e alguns ainda os agridem com pauladas, pedradas e até os matam. Ou seja, está é a triste e infeliz existência, a que estão relegado os Pit-Bulls que são abandonados a sua própria sorte nas ruas, por culpa pura e exclusiva dos próprios 'seres humanos', que na realidade são os verdadeiros monstros, pois criam e incentivam os cachorros a terem este comportamento, e depois irresponsavelmente de forma fria e cruel os abandonam. 










COMPARTILHE A POSTAGEM.

Visualizações de página do mês passado

.COMPRE E RECEBA EM CASA! COM TODA COMODIDADE, SEGURANÇA E RAPIDEZ.

.COMPRE E RECEBA EM CASA! COM TODA COMODIDADE, SEGURANÇA E RAPIDEZ.
.

.

.
.