quarta-feira, março 07, 2012

Cachorros - Lhasa Apso.



Cachorros - Lhasa Apso: O Lhasa Apso é uma raça de origem oriental, e bastante antiga, pois foi criada por séculos apenas pela nobreza e pelos monges do Tibete. Sendo que "Lhasa" é o nome de uma cidade sagrada da região, e "Apso" no idioma local significa cabra, devido a sua pelagem lanosa, ou também "leão", pois era utilizado para proteger os templos,motivo pelo qual o Lhasa Apso é considerado um cachorro sagrado no Tibete. E como guarda de templos e mosteiros, o Lhasa Apso era muito eficiente, sendo bastante agressivos com estranhos, e o Lhasa Apso por ser considerado um animal sagrado, não podia ser comprado nem vendido, mas somente oferecido como um presente especial. Devido a isto, estes cachorros permaneceram desconhecidos do resto do mundo até ao início do século XX.

Mas a partir de 1920 aproximadamente, Dalai Lama buscando apoio internacional para a causa tibetana, ofereceu alguns Lhasa Apso como presente a diplomatas, principalmente aos Britânicos. E a raça começou a ficar conhecida nos Estados Unidos da América uma década mais tarde, entretanto a sua popularidade foi imediata, e já em 1935, apesar de ter sido erronêamente classificado como Terrier, já era reconhecida pelo AKC. O Lhasa Apso é um cachorro de pequeno porte, com altura media de variando entre 20 a 25cm, tendo a  cabeça é larga, o focinho de tamanho médio e o nariz na cor preta. Os olhos são pequenos, de cor escura e são cobertos pela pelagem. As orelhas têm franjas e caem pendentes para cada lado da cabeça. possuem barba e bigodes compridos e de cor mais escura que o restante da pelagem.

O pescoço é curto e recoberto por uma juba, os membros anteriores são verticais, e tal como os posteriores, estão totalmente encobertos por pêlos. A cauda possui franjas e é mantida sobre o dorso. A pelagem é comprida, densa e lisa. E as cores padrões são o dourado, cor de mel, ardósia, areia, cinzenta, preta, branca ou castanha.    E quanto ao temperamento, os Lhasa Apso por terem sido criados como um cachorros de guarda e sentinela dos templos por monges budistas do Tibete, os Lhasa Apsos possuem um forte senso de audição e também são bastante atentos a qualquer intrusão em seu território, e apesar do seu porte, são muito agressivo com os intrusos. A definição do temperamento do Lhasa Apso é de um cachorro inteligente, obediente e muito apegado e fiel ao seu responsável, familiares e amigos, porem avesso e atento a estranhos.

Embora sejam cachorros de pequeno porte, os Lhasa Apso podem apresentar ocasionalmente períodos de excesso de energia, no entanto, não estão entre as raças de cachorros mais ativas, e muitas vezes permanecem por horas descansando ou atentos a possíveis intrusos em seu território, e são pouco exigentes quanto a passeios, não precisando de muita atividade física, pois geralmente preferem uma caminhada curta no quarteirão a fazer medias e longas caminhadas. E apesar de serem originários de locais com temperaturas baixas, como as presentes no Tibete, se adaptam muito bem a temperaturas mais altas. Os Lhasa Apso tem uma alta incidência de instinto alfa, o que os leva a terem traços de personalidade única, e normalmente aceitam e são muito tolerantes à solidão.

E muitos assemelham a sua personalidade com a dos gatos. Pois devido a estas características de personalidade, eles ganharam uma reputação de cachorros destemidos, pois levam muito a serio o seu papel de guardiões da família e muitos podem ser assertivos, assim como os fila brasileiros, sobre permitir ou não a entrada de visitantes estranhos na casa. Esta característica, aliada à sua tolerância à solidão e ao seu baixo nível de energia, tornou a raça popular e preferida entre as pessoas que vivem sós em pequenos apartamentos. O Lhasa Apso é uma raça de vida longa, com alguns chegando a viver mais de 20 anos apresentando uma otima saúde. Entretanto, existem alguns problemas de saúde específicos que são comuns a raça.

Como sua visão, por exemplo, que pode diminuir bastante ou até se extinguir completamente com a idade, porem mas como são cachorros que não se orientam pela visão, eles podem suportar a cegueira com poucas mudanças perceptíveis em seu comportamento. E também devido à sua tendência de alfa no comportamento, um macho Lhasa Apso pode ser extremamente dominante e agressivo com outros cachorros machos, mesmo que estes sejam muito maiores, sendo também obstinado sobre a marcação de seu território com urina.

A castração em idade precoce é o mais recomendado para se resolver estes problemas. Os Lhasa Apso normalmente são cachorros bastante saudáveis, e alguns dos problemas de saúde que comumente acometem a raça dizem respeito a mal formações nas articulações, complicações renais e oculares. E também, a abundante pelagem do Lhasa Apso exige certos cuidados particulares, pois o pêlo deve ser escovado todos os dias ou no máximo alternadamente "dia sim, dia não", de forma a eliminar riças que poderão causar infecções na sua pele.
                                                                                                            

COMPARTILHE A POSTAGEM.

COMPRE E RECEBA EM CASA! COM TODA COMODIDADE, SEGURANÇA E RAPIDEZ.

,

,

CURSO DE VIOLÃO: EBOOK + VIDEO AULAS - TOTALMENTE GRATIS!