.

quinta-feira, abril 19, 2012

Vitamina A - Cachorros.



Vitamina A - Cachorros: A vitamina A é de fundamental importância para a promoção e a prevenção da saúde dos cachorros, pois desde a fase de lactante o filhote já ingere esta vitamina através do colostro que é rico em vitamina A. Pois a vitamina A, tem vários efeitos positivos no organismo do cachorro como um perfeito funcionamento dos olhos, na promoção da saúde da pele e dos pelos, no crescimento e também no sistema reprodutor. E a deficiência de vitamina A ou hipovitaminose, no organismo do cachorro ocasiona um aumento da susceptibilidade a infecções bacterianas e virais, pois interferem na função dos macrófagos e reduzem a proliferação de linfócitos. A vitamina A também e essencial na produção, diverssificação e manutenção do tecido epitelial, pois o retinol é fundamental no processo de queratização. 

E a ausência de vitamina A, ocasiona também deficiência visual e cegueiras noturna com ressecamento dos olhos, neovascularização da córnea, opacidade e infecções oculares. E no sistema reprodutivo sua ausência pode provocar abortos, mal formação embrionária e degeneração testicular. As fontes naturais de vitamina A são o fígado, e as frutas e verduras de cor amarelo/alaranjadas que contem betacarotenos que são transformados pelo fígado em retinol para suprirem o organismo. Entretanto o excesso de vitamina A pode ocasionar sintomas como pele seca, áspera e descamativa, ceratose folicular, dores ósseas e articulares, queda de pelos, lesões hepáticas com consequente aumentos do baço e do fígado. Somente faça utilização da vitaminas A, com prescrição e acompanhamento veterinário. 

Vitamina E - Cachorros.



Vitamina E - Cachorros:  A vitamina E ou tocoferol, é uma vitamina lipossolúvel e os tocoferóis agem como antioxidantes, protegendo as células dos efeitos nocivos das substâncias tóxicas, principalmente dos radicais livres. e também tem uma influencia positiva na prevenção e tratamento da arteriosclerose, das inflamações articulares e das complicações do diabete por bloquearem as modificações oxidativas das lipoproteínas de baixa densidade.  Em cachorros a carência de vitamina E, pode provocar alterações neurológicas degenerativas da medula, com diminuição dos reflexos, diminuição da sensibilidade vibratório, da propriocepção e oftalmoplegia, e tambem as dificuldades visuais podem ser agravadas pela retinopatia pigmentar também provocada pela falta de vitamina E. A vitamina E, mesmo consumida em alta dosagem não e tóxica, pode entretanto reduzir a absorção de outras vitaminas lipossoluveis e de minerais como o ferro. Somente utilize vitaminas com a prescrição e acompanhamento veterinário.   


COMPARTILHE A POSTAGEM.

.

.
.

Visualizações de página do mês passado