quinta-feira, maio 17, 2012

Problemas/Doenças Oculares - Cachorro.



Problemas/Doenças Oculares - Cachorros: Existe uma variedade grande de doenças oculares que acometem os cachorros, e entre as principais e de maior ocorrência podemos citar a ulçera de córnea, a uveite, a catarata, o glaucoma, a dacriocistite, a conjuntivite, a ceratoconjunitivite seca. Que são doenças passíveis de tratamento veterinario, e se for necessário serem feitas cirurgias, estas geralmente proporcionam excelentes resultados. Entretanto os veterinários especialistas nestas doenças, são unânimes em afirmar que muito embora a oftalmologia veterinária recentemente tenha se desenvolvido muito, é muito importante detectar o problema precocemente, pois aumenta bastante as chances de restituição da visão na maioria dos casos. Então aos primeiros sintomas físicos ou comportamentais, é muito importante que o responsável leve o cachorro imediatamente a um veterinário. 

A hereditariedade também é um fator que contribui para o surgimento de problemas de visão, raças de focinho curto e olhos projetados têm uma maior tendência a terem problemas de visão, há também algumas doenças características de determinadas raças, como as manchas peri-oculares nos Poodles, o olho seco nos Cocker Spaniels, as úlceras nos Boxers, o entrópio nos Shar Peis, lesões de córnea nos Shih tzu, Lhasa Apso, Pug e Buldogue. Inclusive até mesmo a utilização de xampus não apropriados podem causar problemas oculares que surgem do contato constante dos olhos com o xampu e são muito frequentes e vão desde uma conjuntivite até uma lesão grave na córnea, que pode comprometer a visão e os olhos de forma irreversível. 

E uma maneira de diminuir esse risco é usar na face do cachorro um xampu neutro e suave, que não arde nos olhos, e mesmo assim deve-se enxaguar bem após a lavagem. Quanto aos remédios não devem ser utilizados de forma inadvertida, sem prescrição veterinária, pois o uso equivocado de um colírio é capaz de complicar muito um problema oftálmico que poderia ser resolvido sem dificuldade com medicamentos adequados. E um exame oftalmológico em cachorros e relativamente rápido, simples e indolor e leva em média de 45 a 60 minutos e inclui tambem o exame clínico, para descartar associações a problemas de outras partes do organismo. 

O exame oftalmológico consiste em uma avaliação detalhada do globo ocular e das pálpebras, e o procedimento é realizado em uma sala escura, com auxílio de equipamentos oftalmológicos específicos, corantes e colírios. Os veterinários reafirmam a importância da prevenção, ressaltando que um exame desse tipo, realizado anualmente pode evitar uma série de problemas e até mesmo a cegueira, que felizmente, já pode ser reversível em alguns casos, pois um cachorro cego por catarata pode recuperar a visão após uma cirurgia, Entretanto, existem situações que levam à cegueira irreversível, como degeneração da retina ou glaucoma.




Limpeza/Higiene Ocular - Cachorros.



Limpeza/Higiene Ocular - Cachorros: Ao se observar os olhos de um cachorro, estes devem estar claros e brilhantes, e sem nenhum excesso de lacrimejamento ou secreção de muco. Pois os olhos vermelhos, inflamados, opacos ou com lacrimejamento excessivo são caracteristicas e indicações de ocorrência de uma possível infecção ou lesão ocular. E como os olhos são órgãos muito delicados, qualquer indicio de uma possível lesão deve receber a assistência imediata de um veterinário.

Pois os olhos dos cachorros, são suscetiveis a absorverem muitos resíduos, poeiras e corpos estranhos devido principalmente a produção quase que continua de corrimento ocular (remela) que podem acarretar diversas infecções. E até mesmo, a utilização de xampus não apropriados pode causar doenças, e os problemas oculares que surgem pelo contato com o xampu são muito frequentes. E vão desde uma conjuntivite, até uma lesão grave na córnea, que pode comprometer a visão e os olhos de forma irreversível.

E uma forma  de se eliminar, ou minimizar bastante este problema, é usar na face do cachorro um xampu neutro ou suave, que não ardem nos olhos, devendo-se tambem enxaguar bem após a lavagem. Pois a higiene dos olhos, elimina o incómodo causado pelo corrimento ocular nos cachorros, devido a isto é necessário se limpar os olhos do cachorro regularmente. Algumas raças, apresentam  um corrimento constante, o que facilita o acúmulo de poeira e resíduos diversos, facilitando e possibilitando o aparecimento de infeções oculares (conjuntivites).

E este é o caso dos Basset Hound, que têm as pálpebras caídas, dos Poodles e Bichon Frisé, que têm dutos lacrimais estreitos, dos Lhasa Apsos, Shi Tzu e Pequinês que têm o globo ocular muito exposto. Já os cachorros da raça Cocker, têm as suas orelhas muito longas, e que encostam facilmente no chão, levando consequentemente, muitos resíduos para os seus olhos. E para se proceder a higiene ocular dos cachorros.

Pode-se utilizar de preferência diariamente, algodão embebido em água ou fazer a aplicação de gotas oftálmicas de limpeza com anti-séptico ou toalhetes oftálmicos.  Quanto a utilização de remédios,  os cachorros   não devem ser medicados de forma inadvertido, sem prescrição e orientação veterinária. Pois o uso equivocado de um simples e inofensivo colírio, é capaz de complicar muito um problema oftálmico que poderia ser resolvido sem dificuldade com medicamentos específicos adequados. Para maiores orientações e esclarecimentos, consulte um veterinário.

COMPARTILHE A POSTAGEM.

COMPRE E RECEBA EM CASA! COM TODA COMODIDADE, SEGURANÇA E RAPIDEZ.

,

,

CURSO DE VIOLÃO: EBOOK + VIDEO AULAS - TOTALMENTE GRATIS!