terça-feira, janeiro 14, 2014

Gravidez Psicológica.


A gravidez psicológica ou pseudociese (pseudo = falso, kyesis = gravidez) é um distúrbio hormonal que a cadela pode apresentar depois do cio. É chamada de psicológica, mas é uma patologia. São alterações hormonais provocadas pelo cio que detonam a falsa gravidez em que o corpo do animal se prepara para abrigar os filhotes, e o comportamento muda de uma forma radical. Frequentemente, ocorre em cadelas que nunca cruzaram e que já passaram por mais de um cio. 

Mas, pode acontecer no primeiro cio. As cadelas estão mais sujeitas à pseudociese do que fêmeas de outras espécies (gatas) porque têm ovulação espontânea, ou seja, independente de cruzarem ou não. A causa biológica está relacionada à prolactina, o hormônio da amamentação que passa a ser produzido em grande quantidade. Os sinais se manifestam cerca de 2 meses após o cio – tempo médio de duração de uma gravidez. Cientistas afirmam que a gravidez psicológica acontece como uma memória genética do comportamento dos lobos, os ancestrais do cão. Na alcateia, só a fêmea alfa irá ser fecundada pelo macho alfa. 

Essa fêmea, geralmente, é a melhor caçadora, e terá que deixar seus filhotes para caçar. Para garantir que esses filhotes sejam amamentados, as fêmeas não fecundadas têm a falsa gravidez e, passam a cuidar dos filhotes, na ausência da fêmea alfa. Mas como é um acontecimento que não é natural e sim patológico, pode gerar problemas para a saúde da cadela e deve ser diagnosticado, acompanhado e tratado por um veterinário. 

Ocorre mais frequentemente em raças de porte pequeno. Entre os animais o fenômeno é mais comum em cadelas, mas pode ocorrer também em gatas. Um fenômeno correspondente pode ocorrer mesmo em aves, que desenvolvem um falso choco. Os tratamentos convencionais indicados para a pseudociese são paliativos ou seja, através de hormônios, onde se tenta corrigir o desequilíbrio hormonal. A gravidez psicológica ocorre em mais de 50% das cadelas não castradas.

Sintomas da gravidez psicológica em cadelas:

falta de apetite;
certa agressividade;
carência;
mamas inchadas e cheias de leite (o que pode gerar infecção);
preparação de um ninho para receber os filhotes e adoção de um objeto para cuidar e proteger.

A única forma de evitar a gravidez psicológica é com a castração do animal. Os outros métodos são paliativos.

COMPARTILHE A POSTAGEM.

COMPRE E RECEBA EM CASA! COM TODA COMODIDADE, SEGURANÇA E RAPIDEZ.

,

,

CURSO DE VIOLÃO: EBOOK + VIDEO AULAS - TOTALMENTE GRATIS!