sábado, fevereiro 22, 2014

Rações para Cachorros Filhotes.

Rações para Cachorros Filhotes: A alimentação ideal e mais completa para os cachorros no seu primeiro mês de vida e o leite de sua genitora, pois contem todos os nutrientes necessários para o seu pleno desenvolvimento. Como um alto teor de proteínas, gorduras, vitaminas e sais minerais e inclusive anti-corpos que são proveniente do colostro, que e uma substancia que compõem o leite e que contem uma quantidade muito grande de anti-corpos e que proporciona imunização ao filhote lactante contra diversas doenças infecto-contagiosas.

Entretanto a partir de um determinado tempo que varia de 30 a 45 dias, geralmente depois de 30 dias o leite da cadela genitora e insuficiente e já não supre todas as necessidades do organismo do filhote. E nesta fase em que chega o momento do desmame, deve-se ter todo o cuidado durante esta transição e se utilizar uma ração especifica que tenha todos os nutrientes necessários como proteínas, gorduras, vitaminas e sais minerais e também na quantidade proporcional e adequada ao seu rápido desenvolvimento. Pois um cachorro filhote necessita de 2 a 4 vezes mais nutrientes como carboidratos, proteínas e essencialmente minerais que um cachorro adulto.

Devido ao seu rápido desenvolvimento, principalmente da massa muscular e da massa óssea (ossos/dentes). E precisam de se alimentar com uma ração que contenha relativamente mais aminoácidos (proteínas) que uma ração para cachorros adultos, e também em maior quantidade em relação ao seu peso corporal. Devido a a estas questões não se deve dar aos filhotes ração de cachorros adultos, pois ira provocar varias carências nutricionais e prejudicar muito o seu desenvolvimento corporal principalmente massa muscular, massa óssea e também o seu sistema imunológico.

Existem no mercado varias opções de rações especificas e balanceadas para filhotes, e que fornecem aos filhotes todos os nutrientes que eles necessitam para se desenvolverem perfeitamente sem a necessidade de que haja suplementação alimentar de vitaminas e sais minerais. E devem ser fornecidas de 3 a 4 vezes ao dia para os cachorro filhotes ate o seu primeiro ano de vida, e para as cachorros filhotes de porte médio/grande até os 18 meses.

Importância do Calcio para os Cachorros.

Importância do Cálcio para os Cachorros: O cálcio juntamente com o fósforo são minerais fundamentais e indispensáveis na dieta dos cachorros, e são essenciais para o pleno desenvolvimento de sua massa óssea. Estes minerais proporcionam aos ossos densidade e rigidez, auxiliam na coagulação sanguínea e na monitoração da passagem dos fluidos para as paredes das células, e tambem são necessários para a estimulação dos nervos. Uma carência de cálcio e fósforo, principalmente no decorrer do primeiro ano da vida de um cachorro filhote, terá como consequencia uma má formação e fragilidade ósseas e tambem  raquitismo. 

Anteriormente quando não existia ainda no mercado a possibilidade e a disponibilidade de se adquirir rações para cachorros com todos os nutrientes necessários completas e balanceadas, o raquitismo era normalmente observado em cachorros filhotes e jovens em fase de crescimento. Esta deficiência ósseo está relacionada a uma carência de cálcio, fósforo e tambem vitamina D e acarreta em ossos porosos, sem densidade, e mal formados, pois não se calcificam e nem adquirem rigidez e originando doenças como osteoporose e ostro-distrofia. Atualmente, com uma ampla quantidade de rações disponíveis no mercado com preços acessíveis e que proporcionam tambem uma maior praticidade para se alimentar os cachorros, a ocorrência de raquitismo e rara. 

Após o desmame os cachorros necessitam se alimentar com uma ração balanceada com vitaminas e minerais. A ausência de alguns nutrientes pode prejudicar a sua formação óssea de maneira irreverssivel. O cálcio é um dos principais minerais e micro-nutrientes que precisam estar presentes na ração a ser fornecidos aos cachorros filhotes, por ser este um período de desenvolvimento muito rápido.  Pois o cálcio é utilizado pelo organismo do cachorro filhote para impedir a ocorrência de doenças como raquitismo, osteoporose e osteo-distrofia, para proporcionar solidez e densidade aos ossos, sendo fundamental no processo de coagulação do sangue e atuando tambem no sistema nervoso.  

Importância dos Sais Minerais para os Cachorros.

Importância dos Sais Minerais para os Cachorros: Os minerais executam varias funções diferentes no organismo, tais como a constituição de cartilagens e ossos, reações enzimáticas, preservação do balanço de fluidos, condução do oxigênio no sangue, auxilio no desempenho estavel de músculos e nervos e na geração de hormônios. Os minerais são divididos e classificados em duas categorias distintas que são os macro-minerais e os micro-minerais. Os macro-minerais são necessários em maiores quantidades na dieta e encontrados em maiores quantidades no organismo do que os micro-minerais.

Macro-minerais
• Cálcio (Ca)
• Fósforo (P)
• Sódio (Na)
• Cloreto (Cl)
• Potássio (K)
• Magnésio (Mg)
• Enxofre (S)
Micro-minerais
• Ferro (Fe)
• Zinco (Zn)
• Cobre (Cu)
• Manganês (Mn)
•Selênio(Se)                                                                                                                                    Cálcio e Fósforo:
O cálcio e fósforo são minerais essenciais na dieta dos cachorros e são
necessários para o desenvolvimento dos ossos. Estes minerais
proporcionam solidez aos ossos e dentes, auxiliam na coagulação
sangüínea e na administração da passagem dos fluidos para as paredes
das células e são necessários para a estimulação dos nervos. Uma
deficiência de cálcio e fósforo, principalmente no primeiro ano
da vida de um cachorro filhote, acarreta-ra na fraqueza dos ossos e
em ma formação ossea, como raquitismo, osteoporose e osteo-distrofia.

Sódio e Cloreto:
O sódio e cloreto funcionam geralmente como minerais reguladores
de fluidos para auxiliar na preservação do equilíbrio entre os fluidos dentro e
fora das células no organismo. O sódio auxilia no
transporte dos nutrientes para as células, na retirada do material
residual e na preservação do equilibrio hídrico entre os tecidos e órgãos.
O cloreto é utilizado na constituição do ácido clorídrico (HCl) no
estômago, no qual auxilia na digestão das proteínas.

Potássio e Magnésio:
O potássio existe em grandes concentrações no interior das células e é
utilizado para funções enzimáticas, musculares e nervosas, e tambem
auxilia na manutenção do equilibrio dos fluidos em todo o organismo.                                 O magnésio é relevante como um elemento estrutural dos músculos e dos
ossos e desempenha uma função essencial em varias reações enzimáticas no organismo.

Ferro:
O ferro desempenha uma função fundamental pois o ferro (heme) se une com a
proteína (globina) para constituir a hemoglobina, e a hemoglobina e a responsavel por levar
o oxigênio aos glóbulos vermelhos. O ferro é um elemento de muitas
enzimas e condutor diverssificado de oxigênio .  e grande parte do ferro existente no organismo esta na forma do pigmento do glóbulo vermelho, a hemoglobina. O ferro também é um elemento das
enzimas soliçitado para a utilização da energia.
O ferro é absorvido no intestino delgado. A
absorção do ferro é instantanea.e os glóbulos vermelhos e a
hemoglobina são constantemente destruídos e substituídos no organismo 
durante toda a vida, principalmente na fase de desenvolvimento do cachorro. 
A carênçia de ferro no organismo ocasiona anemia e seus consequentes sintomas.

Zinco:
O zinco é fundamental na geração de proteínas e de um sistema
imunológico equilibrado e saudavel. Alguns processos enzimáticos também dependem do
zinco, incluindo as enzimas que protegem as células dos maleficios
ocasionados pela oxidação.

Manganês:
o manganês é um elemento fundamental no metabolismo de diversos animais incluindo os cachorros,
O manganês existe no organismo essencialmente no fígado, mas tambem e encantrado em quantidades signioficativas nos rins, pâncreas e
ossos. O manganes desempenha varias funções fundamentais que envolvem o
metabolismo de proteínas e de carboidratos e o sistema reprodutor.
especificamente o manganês é o ativador dos
processos enzimaticos envolvidos na geração de energia, na síntese de
ácidos graxos e no metabolismo de aminoácidos.

Cobre:
O cobre é absorvido no estômago e intestino delgado dos cachorros e armazenados,basicamente no fígado, rins e cérebro. A importância do cobre no organismo do cachorro e fundamental devido a eleparticipar do processo de formação do colágeno, do tecido conjuntivo elástico, e do 
desenvolvimento dos glóbulos vermelhos, de funções antioxidantes, e tambem no fornecimento da pigmentação para os pêlos e penugem.

Selênio:
O selenio e um nutriente que tem uma função essencialmente antioxidante, sendo
necessario em menor quantidade de qualquer dos microminerais e também é o mais tóxico. O selênio atua basicamente em conjunto com a vitamina E para funcionar como um antioxidante no
organismo.

Iodo:
O função do iodo está na produção de hormônios tiroidianos pela glândula tiróide. A função principal
destes hormônios é administrar e manter o equilibrio e estabilidade das taxas metabólicas basais no organismo. Sem a glândula tiróide ou o funcionamento adequado destes hormônios, o cachorro
apresentaria uma deficiencia no desenvolvimento, ganho ou perda de peso excessivos,enfraquecimento do sistema imunologico e consequentemente diversas outros enfermidades e sintomas decorrentes a principio pela carência de iodo no organismo. Somente faça utilização de sais minerais como complemento nutricional na dieta de seu cachorro com prescrição e acompanhamento veterinario.

COMPARTILHE A POSTAGEM.

COMPRE E RECEBA EM CASA! COM TODA COMODIDADE, SEGURANÇA E RAPIDEZ.

,

,

CURSO DE VIOLÃO: EBOOK + VIDEO AULAS - TOTALMENTE GRATIS!