.

sábado, janeiro 03, 2015

Cachorros - Griffon Korthals.



Cachorros - Griffon Korthals: O Korthals Griffon é um cachorro de origem europeia, a raça foi desenvolvida na Alemanha em 1887 pelo holandês Eduard Karel Korthals, resultando em uma raça peluda e desgrenhado, sendo que o seu padrão foi definido na França. A raça é um cruzamento entre o Français Braque,o Barbet e o Pointer, é um essencialmente um cachorro de caça, e que pode ser usado tanto para caçar animais grandes, quanto pequenos. Porem o Korthals Griffon também pode tranquilamente ser usado como um cachorro de companhia. E quanto ao seu porte Um adulto do macho tem em media cerca de 58 centímetros de altura, e uma femea cerca de 53 centímetros.



É uma raça de porte médio, bastante resistente e forte, e que é coberta com uma pelagem de comprimento médio, bastante resistente e que não está propenso a queda, mas ele tem um sub pêlo macio relativamente grosso que não é o ideal para climas mais quentes. É a pelagem desta raça não que requer maior quantidade de cuidados, pois todos os cachorros que têm pelagens grossos como está. Tem necessidade de ser verificada ao longo do tempo, para se certificar de que não pegaram rebarbas, especialmente em torno de seus olhos e pés. Eles tendem tambem a perderem muito pouco pelo, porem precisam ser escovados ocasionalmente para remover-se o pelo solto e dar espaço para um novo crescimento.



Também os banhos não são um problema, devido ao fato de que eles não sofrem de doenças da pele, que são comuns em outras raças. Entretanto não se dão muito bem em climas extremamente quentes, devido a isto, devem sempre terem a sua disposição um lugar fresco. Esta raça tambem possui distintivos olhos  com sobrancelhas grossas e cavanhaque espesso no final de seu focinho visivelmente quadrados. E é um cachorro de campo qualificado, que realmente adora caçar na água, o que faz dele um cachorro ideal para a caça de aves aquáticas. Ao contrário de outras raças de cachorros de caça, que tendem a vaguear por grandes parte do território, o Korthals Griffon tende a ser mais paciente e metódico, e na maior parte do tempo fica aguardando e observando a melhor ocasião para apontar a presa.



Ele também tem diversos atributos que o tornam um ótimo cachorro, para a casa e para a família, principalmente a sua tranqüilidade. Também tende a ser curioso e amigável, com convidados e amigos que chegam na casa, principalmente se tiver sido socializado quando filhote. Este cachorro também tende a ser bastante gentil com as crianças, com quem geralmente é muito brincalhão. Uma de suas deficiências, porém, é que não pode ficar confinado a um quintal, pois tendem a desenvolver problemas comportamentais e se tornarem bastante destrutivos, tambem necessitam de passeios regulares. No entanto, são facilmente treináveis e estão sempre ansiosos para agradar, e pouco inclinados a concorrerem e desafiarem o domínio já estabelecido de outros cachorros.



Pois naturalmente tendem a se darem bem com os demais cachorros e outros animais em seu ambiente, incluindo gatos. E assim que a raça foi criada e desenvolvida, havia na época um grande interesse do público para criação de muitos tipos de raças tipicamente Griffons, que resultou em muitas das várias raças que estão conosco atualmente. No entanto, foi nas sociedades antigas, como os gregos e os romanos que foram os primeiros a tomar a ciência da criação de cachorros, que inclusive não é nenhuma surpresa de que a primeiras menções e representações a respeito dos Griffons tenham sido na Grécia a mais de 2500 anos atrás.  A raça se tornou imediatamente popular com os desportistas do continente norte-americano, mas assim como aconteceu com tantas outras raças de cachorros, no decorrer das duas Grandes Guerras Mundiais.



Parou-se completamente qualquer programa de aprimoramento e melhoramento da raça. Isso se deveu ao fato de que os grandes cachorros da raça esportivos, devido a sua presteza e inteligência estavam em grande demanda nos serviços armados e foram levados para ambas as guerra em grande número. E somente em 1950, que foi despertado, e houve um interesse renovado na raça, quando novamente diversos filhotes foram formados, com exemplares remanescentes desta que é considerada uma das únicas raças de cachorro desportivo polivalente. Inclusive ele permanece popular até hoje, mas devido a mudanças demográficas e as necessidades especiais desta raça em relação ao clima, pode em alguns países ser um cachorro muito raro.














COMPARTILHE A POSTAGEM.

.

.
.

Visualizações de página do mês passado