.

quarta-feira, maio 27, 2015

Enfermidade nos Olhos - Cachorros.



Enfermidades nos Olhos - Cachorros: Existe uma variedade grande de doenças oculares que acometem os cachorros, e entre as principais e de maior ocorrência podemos citar a ulçera de córnea, a uveite, a catarata, o glaucoma, a dacriocistite, a conjuntivite, a ceratoconjunitivite seca. Que são doenças passíveis de tratamento veterinario, e se for necessário serem feitas cirurgias, estas geralmente proporcionam excelentes resultados. Entretanto os veterinários especialistas nestas doenças, são unânimes em afirmar que muito embora a oftalmologia veterinária recentemente tenha se desenvolvido muito, é muito importante detectar o problema precocemente, pois aumenta bastante as chances de restituição da visão na maioria dos casos. Então aos primeiros sintomas físicos ou comportamentais, é muito importante que o responsável leve o cachorro imediatamente a um veterinário. 


A hereditariedade também é um fator que contribui para o surgimento de problemas de visão, raças de focinho curto e olhos projetados têm uma maior tendência a terem problemas de visão, há também algumas doenças características de determinadas raças, como as manchas peri-oculares nos Poodles, o olho seco nos Cocker Spaniels, as úlceras nos Boxers, o entrópio nos Shar Peis, lesões de córnea nos Shih tzu, Lhasa Apso, Pug e Buldogue. Inclusive até mesmo a utilização de xampus não apropriados podem causar problemas oculares que surgem do contato constante dos olhos com o xampu e são muito frequentes e vão desde uma conjuntivite até uma lesão grave na córnea, que pode comprometer a visão e os olhos de forma irreversível. 


E uma maneira de diminuir esse risco é usar na face do cachorro um xampu neutro e suave, que não arde nos olhos, e mesmo assim deve-se enxaguar bem após a lavagem. Quanto aos remédios não devem ser utilizados de forma inadvertida, sem prescrição veterinária, pois o uso equivocado de um colírio é capaz de complicar muito um problema oftálmico que poderia ser resolvido sem dificuldade com medicamentos adequados. E um exame oftalmológico em cachorros e relativamente rápido, simples e indolor e leva em média de 45 a 60 minutos e inclui tambem o exame clínico, para descartar associações a problemas de outras partes do organismo. 


O exame oftalmológico consiste em uma avaliação detalhada do globo ocular e das pálpebras, e o procedimento é realizado em uma sala escura, com auxílio de equipamentos oftalmológicos específicos, corantes e colírios. Os veterinários reafirmam a importância da prevenção, ressaltando que um exame desse tipo, realizado anualmente pode evitar uma série de problemas e até mesmo a cegueira, que felizmente, já pode ser reversível em alguns casos, pois um cachorro cego por catarata pode recuperar a visão após uma cirurgia, Entretanto, existem situações que levam à cegueira irreversível, como degeneração da retina ou glaucoma.

Castre seu Cachorro.



Castre seu  Cachorro: Ao contrário do que muitos pessoas pensam, o ato de castrar animais domesticos e especialmente cachorros é um gesto de amor e responsabilidade. Pois muitos cachorros são mortos diariamente nos Centros de Controle de Zoonoses, e muitos outros perdidos ou abandonados nas ruas sofrem as coisas mais terríveis que se possa imaginar como, fome, sede, frio, medo, solidão, desespero, agressões, mutilações, envenenamentos, atropelamentos, etc. Todos esses problemas são frutos da reprodução descontrolada, e a castração ajuda a minimizar em muito estes graves problemas.


E devido a este descontrole, a população de cachorros suscetiveis a serem abandonados cresce dia após dia. E o problema não se resume somente na reprodução descontrolada dos cachorros abandonados que já estão nas ruas. mas também pelo acasalamento indesejado dos cachorros que possuem um lar e um responsavel.  Pois são muitas as ninhadas que são abandonadas covardemente nas ruas, sendo que os filhotes que conseguem sobreviver, acabam gerando mais e mais filhotes, que terão o mesmo destino, que é passar por todo tipo de carencias e sofremento nas ruas.


E para ajudar a diminuir essa triste realidade, a castração é uma otima alternativa para conter e minimizar esta superpopulação de cachorros sofrendo abandonados nas ruas. Precisamos conscientizar amigos, vizinhos, parentes, etc., sobre a importância da castração como método de controle reprodutivo. Devemos mostrar a realidade dos cachorros abandonados nas ruas e dos que morrem nos abrigos públicos e particulares. Cada pessoa só precisa fazer a sua parte,  ou seja, castre o cachorro de sua responsabilidade, e se possivel, ajude na castração de outros, principalmente os abandonados, e aconselhe as pessoas próximas a fazerem o mesmo.


Pois a castração, é uma cirurgia relativamente simples, e pode ser feita tanto em cachorros fêmeas ou  machos, com o proposito principalmente de impedir que se reproduzam sem controle. Nas fêmeas, consiste na retirada do útero, trompas e ovários, nos machos, na retirada dos testículos. A cirurgia é feita com anestesia geral, e apesar de simples, deve ser executada apenas por veterinários devidamente habilitados,  o cachorro não precisa ficar internado e, em torno de uma semana estará totalmente recuperado. A castração pode ser feita nos machos a partir dos 2 meses de idade e, no caso da fêmea, recomenda-se antes do primeiro cio,  porem no caso de cachorros de grande porte, o ideal é após os 8 meses de idade, devido a sua formação ser mais demorada.


E as vantagens e os beneficios da castração para os cachorros são varias, principalmente em relação a sua saude, pois evita doenças nas vias uterinas (ex.: piometria), câncer de mama, útero, próstata e testículos. Elimina a Gravidez Psicológica, e o risco do câncer dos órgão genitais, transmitido durante o cruzamento. diminui o risco das fugas e brigas, que podem acarretar contaminações com doenças ou parasitas, e tambem acidentes graves e até fatais. Elimina tambem, os estados de stress por falta de cruzamentos, e evita ninhadas que acarretam na superpopulação de cachorros, com o seu posterior abandono nas ruas e maus tratos,  e tambem no sofrimento da separação de mãe e filhotes.


Evitando inclusive, o cruzamento entre indivíduos da mesma família, que geram filhotes de saúde frágil.  Impedindo tambem, a perpetuação de doenças geneticamente transmissíveis como epilepsia, displasia coxofemoral, e catarata entre outras. E para os responsaveis vantagens da castração tambem proporciona varias vantagens, como a eliminação ou quase total redução da demarcação com urina do território pelo macho, elimina tambem a agressividade motivada por excitação sexual constante, pois os cachorros ficam mais tranquilos e caseiros, e no caso da femea, na eliminação do cio com presença de sangue e a aglomeração de machos e um consequente risco de cruzamento indesejado.

COMPARTILHE A POSTAGEM.

.

.
.

Visualizações de página do mês passado

.COMO ACABAR COM AS PULGAS!