.

quinta-feira, agosto 14, 2014

Cachorros - Fumaça de Cigarro.

            Cachorros - Fumaça de Cigarro.


Cachorros - Fumaça de Cigarro: Um dos assuntos mais polêmicos ultimamente tem sido a implantação das leis anti-fumo no Brasil. Neste momento em que todos se preocupam com o cigarro e suas consequências. Também é hora de pensarmos nas consequências do fumo nos cachorros e outros animais domésticos, que são nossos companheiros próximos no dia-a-dia. Pois a fumaça expelida pelos cigarros também os afeta gravemente, assim como aos humanos. Porem no caso dos cachorros alem de fumarem involuntariamente, também fumam inconscientemente, pois assim como as crianças, eles também são vitimas inocentes do fumo passivo. 
       
              Cachorros - Fumaça de Cigarro.



Que é a 3ª maior causa de mortes no mundo, e a origem da maior parte dos problemas respiratórios, principalmente em idosos e crianças, e que atualmente também compromete seriamente a saúde dos cachorros. Porque a fumaça proveniente dos cigarros, pode causar graves problemas cardio-respiratórios nos cachorros. E os que estão expostos ao fumo passivo, tem uma maior incidência de neoplasias [cânceres], que estão diretamente relacionadas à uma exposição frequente e continuada de fumaça procedente de cigarros. 

              Cachorros - Fumaça de Cigarro.



Inclusive as alergias respiratórias tendem a se agravar, e a bronquite tem uma piora considerável. E a tosse manifestada devido a presença do cigarro, é um sintoma, e um sinal que pode indicar a presença de um problema crônico e grave no sistema cardio-respiratorio do cachorro. Devendo se procurar imediatamente auxilio medico veterinário. Entretanto é mais do que recomendável, e até mesmo uma obrigação moral, não esperar que o cachorro manifeste algum sintoma proveniente do fumo passivo, para só então decidir afastar o cigarro do mesmo.        

             Cachorros - Fumaça de Cigarro. 



O ideal seria aproveitar a oportunidade, e parar com o cigarro em definitivo, que é o melhor para todo mundo, principalmente para a saúde do fumante. Entretanto se isto não for possível, deve-se não somente por obrigação moral, mas por uma questão de consciência, fumar somente em ambientes abertos e ventilados, e sem a presença do cachorro. Porque até o cheiro residual do cigarro que fica impregnado nas roupas e móveis, já é um fator irritante para as vias respiratórias que são muito mais sensíveis nos cachorros do que nas pessoas, e isto vale para os gatos também.  

             Cachorros - Fumaça de Cigarro.



Pois o esforço de não fumar, em locais onde os cachorros e outros animais circulam traz como recompensa, não só uma consciência tranquila, mas também a preservação da saúde deles. Entretanto vale lembrar também, que não é só em casa que podemos ao fumar prejudicar a saúde dos cachorros. Pois também ao jogar-mos bitucas no chão, além de poluirmos o ambiente, colocamos também outros cachorros em perigo, pois eles podem se queimar e até comer os restos destas bitucas ou filtros. 

               Cachorros - Fumaça de Cigarro.



E se o seu cachorro era um fumante passivo cronico, e agora devido a sua conscientização já não é mas, mesmo assim, em virtude ao tempo de exposição do mesmo ao fumo passivo, deve-se ficar atento em caso de aparecimento de qualquer sintoma de crise alérgica respiratória e procurar imediatamente um medico veterinário.

Nenhum comentário:

COMPARTILHE A POSTAGEM.

.

.
.

Visualizações de página do mês passado

.COMO ACABAR COM AS PULGAS!