quinta-feira, março 19, 2015

O que é a Corrida dos Ratos.


O Que É A Corrida Dos Ratos

O Que É A Corrida Dos Ratos
Muitas pessoas reclamam da vida em que vivem. Dizem estar sempre cansadas, não conseguem fazer o que podem e não são verdadeiramente felizes.
Homens e mulheres assim vivem sempre na esperança de que as coisas melhorem, mas na verdade não as busca com tanto fervor.
Elas nascem, são educadas, vão para a escola, crescem e continuam estudando, para depois escolherem uma área de graduação e passarem a trabalhar no segmento.
Ganham dinheiro para pagar as contas, estas saem de controle e a mesma tem que se disciplinar para não se endividar demais. Troca de carro com pouca frequência, cansa da vizinhança e decide, então, trabalhar mais para ganhar mais dinheiro.
Nascem filhos, as poucas mordomias que tinham são cortadas e elas ficam motivadas com os progênitos, mas passam a gozar de uma qualidade de vida ainda pior.
E tudo isso segue o rumo até a velhice, quando se aposentam e veem que não fizeram nada de tão espetacular em suas vidas. O papel, então, é avisar os netos para estudarem bastante e ganhar mais dinheiro, a fim de serem mais felizes e poderem fazer tudo.
Percebe como este roteiro é bastante comum? E será mesmo que este conselho é o melhor de todos? O dinheiro é, de fato, o libertador dos problemas?
A verdade é que ele não é!
Quanto mais uma pessoa ganha, maior fica a sua qualidade de vida e mais dinheiro ela precisará para manter tudo o que tem. Enquanto um carro popular é ótimo para classe baixa, um carro de luxo é normal para uma classe mais alta. Resumindo: os gastos se equivalem.
O segredo para ser feliz e uma pessoa de sucesso é sair da Corrida dos Ratos. Você conhece este termo? Ele é bastante famoso e utilizado atualmente. Vamos conferir mais detalhes abaixo!

O Que É A Corrida Dos Ratos

O Que É A Corrida Dos Ratos

Você sabe o que é a corrida dos ratos?

Não existe uma definição correta para este termo, pois ela engloba uma série de “problemas” que configuram como tal. Seu uso foi imortalizado no best-seller “Pai Rico, Pai Pobre”, como uma forma de dizer para as pessoas evitarem cair neste caminho.
Sabe aquelas rodas em que os ratos ficam correndo sem parar, cada vez mais rapidamente, a fim de sair daquele sofrimento?
Então, é basicamente disso que devemos fugir em nossas vidas. Todavia, as pessoas acabam cometendo os mesmos erros que os ratos: querendo se esforçar mais e mais, mas sem mudar o rumo.
Não adianta querer ganhar mais dinheiro, para gastar mais dinheiro e ganhar mais dívidas. Bem como não é nada inteligente trabalhar mais e mais, pois a duração do dia nunca se altera e você terá que abrir mão de outras tarefas.
Com o empreendedorismo digital, você pode sair da corrida dos ratos! Ele é uma ótima maneira de acabar com este sofrimento e trazer muito mais cor e felicidade a sua vida. Nós mostraremos abaixo algumas dicas.

3 maneiras de não fazer parte da corrida dos ratos

Saiba que você não precisa ser mais um rato na gaiola correndo sem parar dentro da roda. Também não pense que isso seja ruim! Estas pessoas fazem parte do sistema capitalista, ou seja, servem como funcionários e afins.
O profissional que saiu da corrida dos ratos é aquele que tem autonomia e felicidade plena na vida, em relação à carreira profissional. Por que podemos dizer que empreendedores digitais, em sua grande maioria, estão fora da corrida? Pois conseguiram se desprender das correntes da sociedade.

Converse com várias pessoas. Perceba que muitas delas chamarão um blogueiro profissional de folgado, porque trabalha em casa; louco, porque não está em uma grande empresa; ou irresponsável, porque não tem estabilidade. Estas críticas somente comprovam como tais pessoas conseguiram se libertar do mal da corrida dos ratos.
Veja abaixo 3 formas de sair da roda e procure aquela que seja mais viável para você!

1# – Tornar-se o próprio chefe

Chefes em geral são muito chatos. Isso é normal, pois eles precisam de ótimos resultados para manter-se longe das garras da direção! Portanto, eles descarregam todos os problemas e estresse nos seus funcionários.
Deixar de lado a chefia e tornar-se dono do próprio nariz é uma das maneiras de sair da corrida dos ratos. Neste caso, o salário em si não é tão decisivo, mas, sim, a calma e liberdade em ser o dono de si próprio. Trabalha quando quer, onde quer e como quer; isso descreve um profissional que não precisa dar explicações a mais ninguém.

2# – Conquistar a independência financeira

Por que as escolas não ensinam educação financeira para os alunos? Esta deveria ser uma das principais disciplinas, pois prepara o aluno para o Mundo!
O que adianta eles saberem diversas matérias que nunca usarão, mas não terem a mínima noção sobre como lidar com dinheiro?
Por isso, muitos se encontram na corrida dos ratos: não sabem o que fazer com o capital. Investem errado, gastam mais do que têm e não conseguem realizar o que desejam por falta de planejamento.
Então, se veem na roda dos ratinhos: “Preciso trabalhar mais para ganhar mais dinheiro e pagar as dívidas” ou “Preciso economizar aqui e ali para não me endividar”. Assim, nunca estão confortáveis.
Uma das maneiras de sair da gaiola dos ratos é estudando economia. Sim! Ao saber onde investir, principalmente nos nichos corretos e afins, bem como sabendo lidar com juros e planejamentos, conseguirá atingir a independência financeira e se aposentar com muito mais antecedência, sem precisar se matar de trabalhar!

3# – Fazer o que ama

Por fim, pode parecer poético, utópico ou mentiroso, mas fazer o que se ama te tira da corrida dos ratos. Por exemplo, um blogueiro que tem projetos voltados para vinho, a bebida que mais ama, pode não enriquecer, já que o assunto não é tão buscado.
De todo o modo, ganhará dinheiro o suficiente para viver e será feliz por trabalhar em pleno contato com o que ama! Poderá participar de eventos, conhecer viniculturas e muito mais.
Um dos segredos para sair da corrida dos ratos é encontrar algo que é apaixonado, assim nunca mais precisará trabalhar, apenas se divertir enquanto trabalha. Para saber mais sobre isso que você acabou de ler, recomendo que você conheça o Faculdade Do Dinheiro, o Moisés Santos explica detalhadamente tudo que você precisa para ter seus próprio negócio online. Então ti vejo lá.


O que é Necessário para Montar um Negócio em Casa?


O Que é Necessário Para Montar um Negócio em Casa?


Com o advento da Internet, nosso grande planeta se tornou uma pequena vila global. Com isso, muita gente preferiu renunciar ao ambiente tradicional de um escritório e abraçar a ideia de montar um negócio em casa.
O Que é Necessário Para Montar um Negócio em Casa?
As vantagens são muito claras: você não precisa alugar um espaço adicional só para trabalhar, economiza um tempo precioso sem precisar ir e voltar e ainda pode organizar seu dia do jeito que quiser, sabendo que pode ficar até tarde “no escritório” sempre que quiser.
Agora, trabalhar em casa também tem armadilhas e desafios. Pensar e planejar antes seu escritório em casa pode lhe evitar alguns sérios problemas. Tire um tempinho para conferir esta lista que criamos para ver se você cobriu todos os pontos iniciais.

Trabalhar de Casa – Guia Para Iniciantes

1. Determine um espaço na sua casa para ser seu local de trabalho
Isto é psicologicamente importante, porque é preciso ter a noção de que ainda existe uma diferença entre a sua vida pessoal e seu trabalho.
2. Mantenha uma agenda de trabalho realista
Estabeleça metas para você mesmo e preste atenção para não se distrair com a proximidade de sua TV, cozinha ou cama. Estabeleça um ou dois dias mais flexíveis por semana para que você possa fazer outras tarefas ou dormir um pouco mais. Este esquema vai lhe permitir sentir-se produtivo sem se sentir triste ou completamente por fora.
O Que é Necessário Para Montar um Negócio em Casa?
3. Adicione o nome de sua empresa à sua caixa de correio e campainha
Você não vai querer deixar o carteiro confuso.
4. Encontre motivos para sair
Ficar em casa o dia inteiro não só não é saudável, mas eventualmente vai afetar seu rendimento. Há muitos incentivos para sair – reuniões de trabalho, ir ao correio, buscar suprimentos, etc. Se conseguir distribuir essas tarefas pela semana, nunca vai acontecer de você chegar à meia noite e ainda estar de pijama.
O Que é Necessário Para Montar um Negócio em Casa?
5. Certifique-se de não ter problemas legais
Sim, você trabalha em casa, mas ainda assim seu negócio é lucrativo, por isso tenha em dia tudo o que se relaciona aos impostos e taxas.
6. A propósito…
Não se esqueça de juntar recibos das despesas do seu negócio. Muitas compras que antes eram consideradas como despesas com a casa agora podem ser usadas para abater dos impostos.
O Que é Necessário Para Montar um Negócio em Casa?
7. Seja seu Próprio Decorador
Uma grande vantagem de ter seu escritório em casa é a facilidade de criar e decorar seu próprio espaço de trabalho, exatamente de acordo com suas necessidades. Esta é a oportunidade de montar aquela mesa que você sempre quis ou finalmente conseguir criar um esquema que realmente funcione para seus post-its.
8. Não Esqueça que é Preciso Ter um Plano de Negócios
Ter um negócio estabelecido em casa é tão sério quanto um negócio, digamos, “normal”. Estabeleça metas que você mesmo precise bater, pense numa estratégia de marketing a longo prazo e trabalhe sempre com o foco na visão que você tem do seu negócio.
O Que é Necessário Para Montar um Negócio em Casa?
9. Interaja com os Donos de Outras Pequenas Empresas
A nossa experiência de trabalho com pequenas empresas tem nos mostrado que esta é uma comunidade que se apoia. É possível aprender muita coisa com comerciantes de mais experiência, e dessa forma você não precisa se sentir isolado ou confinado em seu “home office”. Para tomar conhecimento de oportunidades, procure por encontros, palestras, workshops ou conferências em sua área de trabalho.
10. Crie um Site para seu Negócio e Promova-o Online
Um site poderoso é a ferramenta mais eficiente para expandir o alcance a públicos maiores e continuamente atrair uma nova clientela. O Wix oferece aos donos de pequenas empresas a possibilidade de criar um site belíssimo e profissional em apenas alguns passos!
Template para Negócios do Wix

Comece por conferir nossos templates para negócios. Temos uma variedade imensa – desde serviços de buffet e cuidadores de cachorros até serviços de consultoria. Estamos certos que você encontrará um template que corresponde ao seu ramo de negócios!



8 Erros mais Comuns na Hora de Criar um Site.


8 Erros Mais Comuns Na Hora de Criar Um Site


Todo mundo já ouviu falar em web design; muitos conhecem os termos SEO ou PPC…mas poucos sabem o que é usabilidade, embora isso deva sempre ser uma das suas prioridades ao se criar um site. Falando claramente, usabilidade é a facilidade com que os visitantes de um website conseguem navegar e encontrar o que procuram nele.
Se o seu visitante não encontra o que procura ou é forçado a esperar alguns segundos extras até que a página carregue, ele irá deixar o seu site para nunca mais voltar.
Para ajudá-los na tarefa de melhorar a usabilidade dos seus sites Wix, pesquisamos quais os erros mais comuns cometidos pelos nossos usuários. E embora cada usuário seja único, certos erros ocorrem de forma mais comum. Vejamos quais são eles:

1. Resolução da Tela

A maioria das pessoas (ainda) usa uma resolução de 1024 x 768 para o trabalho diário. É sua obrigação, então, se certificar de que o seu site é projetado para todas as resoluções de tela. Você usa chamadas à ação ou formulários de contato? Mantenha-os acima da dobra, isso é, na parte do seu site que é imediatamente visível assim que alguém entra no site. Esta é a sua “área nobre”, onde as coisas mais importantes do site devem aparecer.

2. Página de Introdução

Uma página de introdução é aquela página inicial que funciona como um convite para o site. Embora elas possam ser visualmente atraentes, elas tendem a irritar muitos visitantes e são geralmente consideradas como um desperdício de tempo. Se você estiver usando uma, considere cancelá-la e integrar alguns elementos dela em sua home page. Não faça com que os seus visitantes tenham que clicar duas vezes para encontrá-lo.

3. Barra/Menu de Navegação

Proprietários de sites muitas vezes “empurram” visitantes para fora das suas páginas simplesmente por se esquecer de incluir um menu de navegação simples em cada página. Um usuário que é obrigado a clicar repetidamente no botão “voltar” para encontrar o que procura, ficará frustrado e deixará o seu site rapidamente.

4. Layout do Site

Escolha suas cores com atenção, destaque todos os textos importantes e mostre claramente onde está o botão que você quer que o visitante clique. É importante usar as cores da sua marca, mas elas não podem distrair o visitante da parte mais importante do seu site: o conteúdo.

5. Tamanho do Texto

Têm muito a dizer, mas não pode espremer tudo em uma página? Diminuir o tamanho da fonte NÃO é a solução. Não deixe seu texto menor do que 10 pontos, ou maior que 14. Seus visitantes não têm olhos de águia – e também nào são crianças!

6. Música

O erro mais comum cometido pelos nossos usuários. Quem quer ouvir música no computador já está fazendo isso ANTES mesmo de entrar no seu site, então não incomode o seu visitante! Se você está realmente convencido de que deseja receber os seus visitantes com música, por favor, certifique-se de ter um botão “mute” visível em cada página!

7. Descrição do Site

Um erro muito comum é não fornecer uma descrição clara do seu produto ou serviço. Não deixe seus visitantes no escuro. Se você tem um negócio local, certifique-se que todo mundo saiba disso: inclua sua localização, endereço e um mapa. E esta é também uma ótima maneira de melhorar o SEO do seu website!

8. Falta de Teste

Peça a um amigo para rever o seu site. É muito fácil nos envolvermos demais na criação do site, o que faz com que seja difícil de percebermos alguns erros. Portanto, peça para um novo par de olhos dar uma navegada no seu site e apontar o que está ou não funcionando.
E você, tem experiência com usabilidade? Nós gostaríamos de ouvir suas dicas!


Tentativa e Erro na Criação de um Site.


Tentativa e Erro Na Criação de Um Site


Mesmo que seja muito fácil fazer um site grátis usando o Wix, é possível que a sua primeira tentativa não atinga os resultados que você deseja. Mas existem certos passos que você pode tomar para garantir o sucesso do seu website, avaliando o resultado e fazendo as modificações necessárias. Veja como começar:

Passo 1: Crie o Site

Se você não sabe como fazer seu próprio site gratuito, não se preocupe. Na Central de Ajuda do Wix você encontra guias que irão ajudá-lo em todas as etapas da criação e publicação da sua página web. E se você não souber como começar, crie um site pequeno e simples que já será um bom início.

Passo 2: Mostre Para Alguém

Depois de criar e publicar o seu site, mostre-o para a sua família e amigos. Peça para os conhecidos que entendem um pouco mais do assunto para darem uma olhada no seu website e anote a opinião deles. Foi fácil de navegar? O texto ficou claro e direto? Também mostre o site para alguém que não tem experiência navegando online (avó? vizinho?) – muitos dos visitantes do seu site se encaixarão neste perfil, então é preciso garantir que eles também conseguirão usar o site com sucesso.

Passo 3: Teste o Site

O design do seu web site pode parecer bonito no seu monitor tela-plana de 20 polegadas, mas se ele nào ficar bom em um netbook de 8 polegadas, você irá perder clientes. Experimente conferir o seu site em diferentes combinações de computadores (PC, Mac), resoluções e navegadores (Chrome, Firefox, IE).

Passo 4: Peça a Opinião dos Visitantes

Nada melhor do que ouvir a opinião dos usuários do seu site sobre o funcionamento dele. Adicione um formulário de contato ou um Fórum no seu site e deixe que os visitantes indiquem para você o que está funcionando e o que precisa de ajustes. E como os visitantes são o público-alvo do seu site, tente implementar as sugestões mais pedidas, sempre que possível. O segredo para um site de sucesso é criar o site que você precisa, não o site que você quer.

Passo 5: Faça As Mudanças Sem Medo

Se você tem uma idéia para uma melhoria para o seu site, vá em frente e experimente-a. Em seguida, volte ao Passo 2 comece o processo novamente. As mudanças surtiram efeito? O funcionamento do site melhorou? Se as respostas não forem boas, talvez seja melhor reconsiderar essa mudança. Lembre-se que muitas pessoas gostam de coisas familiares, então não tente mudar tudo de uma vez. Trabalhe apenas em um aspecto de cada vez, assim você consegue determinar qual a mudança que surtiu efeito.



COMPARTILHE A POSTAGEM.

COMPRE E RECEBA EM CASA! COM TODA COMODIDADE, SEGURANÇA E RAPIDEZ.

,

,

CURSO DE VIOLÃO: EBOOK + VIDEO AULAS - TOTALMENTE GRATIS!